Pesquisar este blog

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

O que fizeste, sultão, de minha alegre menina?

O carioca Dory Caymmi completa 70 anos de vida hoje. Filho do compositor e cantor Dorival Caymmi e da cantora Stella Maris, tem o talento musical nas veias. É também irmão da cantora Nana Caymmi e do compositor e flautista Danilo Caymmi

Fez uma bela trajetória musical em mais de 50 anos de estrada. Gravou 13 álbuns solo, dois deles nomeados para o Grammy. Musicou a belíssima canção Alegre Menina, baseada no poema do mestre da literatura brasileira Jorge Amado. Já foi arranjador e produtor musical de Gal Costa, Caetano Veloso e Gilberto Gil. Gravou com Dionne Warwick e Toots Thielemans, entre outros artistas internacionais. Foi arranjador e colaborador de trilhas sonoras de novelas e de cinema. Conquistou dois Grammies Latinos: Melhor CD de samba Para Caymmi 90 Anos produzido em parceira dos irmãos e melhor canção brasileira Saudade De Amar. Foi o produtor com Guto Graça Mello, arranjador e regente do disco Sítio do Picapau Amarelo, 1977.

Sempre ouvi Alegre Menina na voz do Djavan, mas é no timbre grave do seu criador Dori que ela ganha mais peso. A música foi lançada em 1975 e fez parte da trilha sonora da novela Tieta, interpretada pela atriz Sonia Braga. Aliás, foi essa canção que também lançou o até então desconhecido Djavan. Segue o player.

Alegre Meninaálbum Dori Caymmi, 1980.
video

Nenhum comentário:

Postar um comentário